Quando penso no termo Gracious Professionalism® logo me vem à cabeça o Dr. Woodie Flowers falando a respeito de seu significado, explicando-o e citando como exemplo os profissionais diferenciados que o utilizam – profissionais exemplares.
Mas você sabe o que ele significa?

Primeiro, quero que ouça do próprio criador sua explicação:

Gracious pode ser representado pela cordialidade, respeito, compaixão, empatia; já o Professional caracteriza-se pela responsabilidade com o conhecimento que chegou até nós e pela seriedade com que utilizamos este conhecimento para o bem coletivo.

Competir pela FIRST é valorizar o trabalho realizado de uma maneira ímpar. Você deve querer vencer, afinal, você melhor do que ninguém sabe o tempo e energia gasto nos materiais que desenvolveu e o potencial que tem. Mas sua vontade de vencer não pode ser maior do que seu respeito para com o trabalho e a pessoa adversária. Ser um Profissional Cortês é valorizar o outro e reconhecer a importância dele para seu próprio crescimento. Pense: todo o conhecimento só foi transmitido através de pessoas; aquelas que dedicaram seu tempo para transmitir ideias e conceitos através de palavras escritas, ou através de palavras orais, imagens, símbolos, gestos, entre outras formas de comunicação.

Sabendo que tudo o que sei só chegou até mim graças às outras pessoas, minha responsabilidade para com o conhecimento é imensa! Por isso eu devo respeito aos meus semelhantes, devo tratá-los com cordialidade, bondade e entendê-los como parte de meu próprio ser. E sem preconceitos – não importa a idade, tamanho, sexo, cor, forma – todos somos iguais. Este é o Gracious Professional – o profissional bom e inteligente que faz coisas boas e inteligentes.

FIRST_FLL-Program-GraciousProf

O Profissional Cortês compreende seu papel no ciclo constante de transmissão de conceitos, ideias. Suas descobertas devem ser transmitidas a quem possa ser beneficiado por elas, e todas as demais pessoas. A soma das partes irá possibilitar a criação de algo maior do que elas próprias. Por isso, até mesmo os erros podem ser caracterizados como passos importantes na busca pelo conhecimento. Thomas Edison dizia: “Eu nunca falhei, eu apenas descobri 10.000 formas que não funcionam”. Muitas vezes uma parte de uma ideia que reside na mente de um pode ser a chave que faltava para a completude de um conceito na mente de outro. Compartilhar conhecimentos é fazer girar a roda do saber.

Segundo a escritora Sandra Carey: “Não confunda jamais conhecimento com sabedoria. Um ajuda a ganhar a vida, o outro a construir uma vida”. Assim podemos entender as equipes que praticam o Gracious Professionalism® em tudo o que fazem: elas buscam através deste esporte para a mente desenvolver materiais e atitudes que beneficiam pessoas, transmitindo mensagens e contribuindo para uma rede de saberes.

E este é o segredo da FLL – o motivo pelo qual nos apaixonamos mais e mais a cada ano.
Tente praticá-lo também, não apenas por ser um dos Valores da FIRST, mas por ser um dos valores essenciais para a construção de um mundo melhor.

E quais outros Valores da FIRST você consegue relacionar neste post?
Comente!

Fique com meu carinho e até a próxima! =)